Você está lendo o Artigo:

½ xícara de Zul, ½ de Mia

Fomos provar o Brownin, a receita que virou marca de mãe e filha. E também oportunidade de passarem um tempo juntas.

Conteúdo

Laços familiares e profissionais. 

A Mia é designer. A mãe, Zul, tem uma trajetória como modelo e atriz. Juntas descobriram na culinária um hobby e também um negócio cheio de potencial. Cozinhar é a forma que elas encontraram pra passar mais tempo juntas. "Isso e Netflix", diz a Mia.

Uma história de transformação


Mais do que oportunidade de convivência, um novo negócio. A iniciativa veio da Mia, motivada pelos amigos que provaram a receita e enxergaram todo o potencial. "Pensei: por que não levar essa ideia adiante?".

"E foi bem como ela falou que ia ser: a coisa foi se espalhando, tomando forma."

Aprendendo e ensinando


"Não importa a idade, a gente tá sempre ensinando. E também aprendendo." A troca é necessária também pra fazer o negócio funcionar. Na cozinha, elas dividem dicas e tarefas. "Eu corto os pedaços, a Mia cuida da embalagem."

De delícia a negócio


O brownie, essa versão mais apetitosa do bolo, tem origem no acaso. A Zul contou que a história da receita nasceu quando alguém esqueceu de colocar fermento. Na família delas, a receita veio da sobrinha da Zul, e foi adaptada pra virar negócio.

Com o nome de Brownin, um apelido quase íntimo, nasceu a ideia. Um punhado de farinha, chocolate e manteiga. Dedicação e atenção especial. "A coisa foi crescendo naturalmente. Um amigo fala pra um, que fala pra outro." Hoje, o projeto segue crescendo de encomenda a encomenda, indo pra escritórios ou festas e conquistando cada vez mais hmmmms.

Receita de companheirismo

Um punhado de farinha, alguns ovos, chocolate e manteiga. Dedicação e atenção especial também pra embalagem e pra divulgação. Medir o açúcar, a farinha.

"Na cozinha a ordem dos fatores altera o produto", a Zul usa a frase pra brincar com a receita, que não pode ter erro. 

Na cozinha, solução.


Itens práticos e úteis pro dia a dia, e também para os dias de produção. "Pra fazer os brownies, procuramos materiais resistentes", conta. "Materiais resistentes são os mais importantes." Na hora de cozinhar, resistência e formato anatômico é o que ela procuram."Design que deixa mais o toque mais fácil e certeiro."

E claro que design também importa. "Quem não quer uma cozinha toda linda, né?", brinca Zul.



A Zul é mãe solo, e sempre foi a principal responsável pela criação da Mia. Não é difícil perceber o elo de ligação entre as duas, nem as semelhanças entre mãe  e filha. Do riso aos trejeitos na cozinha. "Ela tem tudo de mim. Especialmente a persistência."

Misturando ingredientes, eles também se combinam uma à outra. "Eu ganho um pouco dela, e ela tudo de mim."